Casa com varanda em balanço é cartão de visitas de Gastão e Thaïs




Alexandre e Rita: liberdade para projetar a Pousada das Araras

Fotos: Henrique Magro
Desenho: Alexandre Sodré



Lar, doce lar

Fiz e gostei

    Para arquitetos experientes, adequar um projeto à topografia serrana e erguer a construção sem causar danos à vegetação local é uma rotina. Difícil é escolher o mais bonito, criativo, ou o mais instigante. Por isso, Estações de Itaipava propôs a dois escritórios de arquitetura este desafio: que selecionassem sua criação predileta na região. Ambos de Itaipava, Thaïs Susini e Gastão Cazaux, da Arq&Tec, Alexandre Sodré e Rita Ribeiro, do Studio da Mata, revelaram a escolha e o porquê da preferência.

Quando o declive é solução
    Terrenos íngremes são comuns na serra. Criar projetos que utilizem as inclinações como solução arquitetônica, dando bossa e otimizando espaços, é o desafio. Thaïs Susini e Gastão Cazaux aproveitaram a declividade do lote no condomínio Guararema, em Itaipava, e projetaram uma varanda com seis metros em balanço, para a casa de 130 m2. “Isso dá um bom aproveitamento do terreno e fica arrojado, diferente, assim como a fachada e o interior. Todos que entram nessa casa gostam e nos pedem um projeto semelhante para suas residências”, explica Thaïs.
    Amigos de faculdade e colegas de prancheta - na época em que trabalharam com o arquiteto Luiz Paulo Conde -, Thaïs e Gastão decidiram unir a amizade e a experiência profissional de mais de 30 anos de profissão para abrir a Arq&Tec, em 1997. Desde então, fazem projetos arquitetônicos e obras em toda a serra petropolitana. Uma das características da dupla é a utilização de madeira, tijolo aparente e vidros. Mas a adequação ao bolso do cliente é o que define o estilo do projeto. “Combinamos com o cliente o material que ele quer utilizar e, baseados nisso, calculamos um preço fixo para a construção da casa”, esclarece Gastão.

A Arq&Tec fica na Estrada União e Indústria, 9.500 sala 3. Telefone 24 2221-4645. Confira mais na internet: www.gastaocazaux.webs.com


Natureza e sofisticação
    Alexandre Sodré escolheu o projeto que melhor define seu estilo: abundante em materiais de demolição e recicláveis, adaptado à topografia irregular e integrado à natureza. Assim construiu a sede, alguns apartamentos, o prédio para convenções e três chalés da Pousada das Araras, uma das mais conhecidas na região, ao todo 1.200 m2 de obras.
    “Faço os projetos sempre de acordo com o que os clientes pedem. Mas nesse, tive total liberdade de criação. O terreno era bastante acidentado e a vista belíssima. Explorei essas características, procurando trazer o exterior para o interior”, explica Sodré. De fato, a natureza está totalmente integrada à construção, bastante iluminada. A combinação entre madeira, tijolos de demolição, vidro e pedras torna o ambiente sofisticado e acolhedor.
    Rita Ribeiro é paisagista e seu trabalho pode ser conferido na oitava edição da Mastercasa, que acontece no condomínio Granja Brasil, em Itaipava, até 10 de agosto. Na sede do Studio da Mata - uma construção feita com toras de eucalipto, tecnologia também utilizada nos projetos de Sodré - ela vende móveis e objetos de decoração.

Studio da Mata. Estrada União e Indústria, 11.255. Tel.: 24 2222-4634 / 5046. Veja a página na internet: www.studiodamata.com.br


Estações de Itaipava © Todos os direitos reservados