Fotos: Henrique Magro

Ao sabor da estação

Sem medo de ser feliz



     Se você é destas pessoas que vivem controlando o consumo de calorias e acabam deixando de lado os prazeres da boa mesa, é melhor interromper a leitura por aqui. Caso contrário, fica por sua conta e risco mandar a contabilidade calórica às favas e aceitar as sugestões bem quentinhas que selecionamos para este inverno serrano. Da Pousada da Alcobaça, que traz novidades a partir desta temporada, escolhemos uma sopa; do Farfarello, tradicional italiano de Itaipava, a suculenta lasanha; do Quiosque, um apetitoso cassoulet - a versão francesa e não menos saborosa da nossa feijoada. Dá para resistir?

Farfarello
Estrada União e Indústria,13.470 – Itaipava – (24) 2222-3120

     Assistir à preparação das massas através do vidro que separa a cozinha do salão do Farfarello já é, por si só, um bom programa. Mas quando chega à mesa aquela lasanha bem quentinha, com uma crosta tostadinha na superfície, não dá para desviar a atenção do prato. O carro-chefe da casa, que há 23 anos faz sucesso em Itaipava com seu variadíssimo cardápio, é preparado com massa branca ou verde e recheio de muzzarella e molho à bolognese. A lasanha ganha ainda mais sabor com uma das seis opções de molhos relacionados no menu.
     As sugestões para a temporada englobam diversos pratos gratinados, inclusive nas seções de entradas e sobremesas. O Crostini (torrada com pasta de alicci e queijo parmesão gratinado) é uma das iguarias que podem dar a partida para o festim. Para encerrar sem mudar o estilo, o Gato de Botas (goiabada cascão com queijo minas gratinado).

Pousada da Alcobaça
Rua Agostinho Goulão, 298 – Corrêas – (24) 2221-1240

     Um molho à base de mix de pimentas, servido à parte, confere uma calidez ainda mais acentuada, e muito bem-vinda nesta época, à sopa de peixe servida por Dona Laura em sua pousada. Com a utilização de dois tipos de peixe, camarões graúdos e temperos cultivados em horta própria, ela prepara esta deliciosa opção para os dias mais frios. No restaurante, na varanda cercada por um jardim sempre florido ou mesmo na cozinha, pertinho do fogão à lenha, também são servidos pratos como pato com laranja, carne assada, cozido, feijoada e outros.
     A pousada e o restaurante, aberto também para quem não está hospedado, funcionam desde 1992 e agora servem de cenário para a realização de eventos como casamentos, batizados ou comemorações de qualquer natureza. O anfitrião da festa escolhe o espaço - jardim, restaurante e piscina são alguns dos locais disponíveis - e, se preferir, a proprietária cuida, pessoalmente ou através da contratação de terceiros, de outros detalhes como coquetel e decoração.

O Quiosque
Estrada do Rocio, 3.501 (portão amarelo) – Rocio – (24) 2291-5629 / 2242-8292 / 9965-7306

     No simpático restaurante do Rocio, a dúvida a respeito de que tipo de carne escolher para a refeição não chega a ser torturante. Ali é servido um substancioso cassoulet que tem em sua composição nada menos do que carne de porco (paio, lingüiça, lombo fresco e defumado), de boi (língua defumada) e de aves (frango e pato), convivendo em perfeita harmonia com o feijão branco e as ervas frescas. Apesar da pouca frugalidade, a retirada do excesso de gordura dos ingredientes faz com que o prato – “ideal para ser degustado com um bom Cabernet Sauvignon”, segundo os proprietários da casa – não seja tão pesado.
     A especialidade do Quiosque - que recentemente diversificou sua carta de vinhos com inclusão de novos rótulos, como os californianos Castoros e os chilenos Ventisqueros - é a cozinha variada. Dela se destacam a palheta de cordeiro assada com arroz de lentilha, o pato assado com purê de maçãs e cogumelos frescos e as trutas. Outra boa pedida para estes dias frios é o creme de abóbora com gorgonzola. Em tempo: a casa funciona apenas para o almoço, aos sábados, domingos e feriados.


Estações de Itaipava © Todos os direitos reservados