A charmosa construção, anterior ao condomínio, abriga o restaurante aberto na Quinta do Lago

Nos dois salões do Duetto a sofisticação convive harmoniosamente com a descontração e com a exuberância verde do condomínio




A salada de camarões com crocante de presunto cru leva duas variedades de alface e folhas de rúcula. O molho é à base de balsâmico e um toque de mel


O salmão grelhado flambado no Cointreau e suco de laranja, servido sobre creme de cogumelos Shitake, Paris e Portobello é um dos pratos de grande sucesso na casa

Influência francesa também no cardápio de sobremesas, com a tradicional Tarte Tartin: torta invertida de maçãs verdes, com barra de chocolate na base e regada com calda de caramelo


Fotos: Henrique Magro

Ao sabor da estação

Duetto

Afinação entre requinte e despojamento define o ritmo da casa

     A cozinha mediterrânea italiana com eventuais influências francesas é a aposta do Duetto, restaurante recém-inaugurado na BR040, dentro do condomínio Quinta do Lago, com entrada pelo Córrego do Sertão. Os pescados - como se pode esperar de uma casa que vai buscar inspiração nas águas do maior mar do mundo - são figurinhas fáceis em entradas, saladas, massas e risotos, além de protagonizar algumas peças de resistência. Mas nem só de peixes, crustáceos e moluscos vive o Duetto.
     Com a consultoria do chef Sormany, do festejado Il Perugino, de Itaipava, o proprietário Giovanni Canepa, com formação em hotelaria, montou um cardápio em que constam itens, preparados pelo chef Marcelo Silva Aragão (que traz como credenciais passagens pelo Perugino e o Locanda della Mimosa), com acentuado sabor francês. O Shitake com figo, queijo brie e mel, na seção dos antipastos, e o peito de pato grelhado com molho de amoras, que integra a seleção de carnes, são a prova irrefutável da pitada gaulesa.
     A influência da cozinha oriental também se faz presente através de pratos como o Cappellini alla Orientale (massa com molho à base de shoyu, camarão, shitake, shimeji e brócolis). Nesta seção, a tradicional gastronomia italiana é representada pelo Penne alla Putanesca (molho de tomate, anchovas, alcaparras, azeitonas pretas, pimenta calabresa, alho e azeite extra virgem).
     Salvo algumas exceções – como o Crocante de Romeu e Julieta (massa folhada recheada com cream cheese e goiabada, servida quente e muitíssimo bem acompa­nhada por sorvete de queijo), fixo no cardápio - as sobremesas são alternadas com grande frequência. A carta de vinhos, hoje com 150 rótulos, também passa por constantes renovações, orientadas pelo gerente do restaurante e sommelier Paulo Gaivoto, que, ocasionalmente, também faz as vezes de barman. Um dos destaques do bar é o Bianco Sporco, versão italiana para o Kir, preparado ali com espumante e Campari.
     Com um ambiente sofisticado, porém sem qualquer afetação, a casa foi decorada com peças vindas da Itália, país de origem de Giovanni, nascido na cidade de Como, na região da Lombardia, de mãe brasileira. Mas o que confere um charme todo especial ao lugar, aberto aos condôminos e também ao público externo, é o conjunto da obra: comida de qualidade em um lugar acolhedor (com o requinte na medida certa), cercado de verde por todos os lados e a poucos minutos dos agitos de Itaipava.
Duetto:
BR040, Km 67, Condomínio Quinta do Lago (entrada pelo Córrego do Sertão)
Telefone: (24) 2225-5003
Aberto de quinta (a partir das 19h) a domingo (até às 18h)

Voltar Próxima matéria


Estações de Itaipava © Todos os direitos reservados