O sossego reinante no local onde foi inaugurado o espaço contribui para o relaxamento necessário às sessões de terapia e meditação


No ambiente interno, mobília e decoração clean também ajudam a relaxar


No altar, Sidarta Gautama, o Buda. À direita o quartzo rosa, pedra que incentiva o amor e regula as energias emocionais. Tem função calmante

Durante a sessão, a terapeuta utiliza técnicas para acessar o “eu superior” e obter informações guardadas no subconsciente


As terapeutas Micheline Torres e Marcelle Sampaio descobriram no ThetaHealing um novo modo de vida e desde que se mudaram para Araras oferecem cursos e palestras para difundir a técnica por aqui

Fotos: Henrique Magro




Saúde & bem-estar

ThetaHealing



     Uma completa reprogramação mental, a partir da identificação de crenças pessoais negativas e limitantes que bloqueiam a capacidade de autorrealização é o que promete o tratamento de regeneração energética que atua promovendo curas nos níveis físico, mental, emocional e espiritual através do autoconhecimento. Desenvolvido nos EUA há cerca de 20 anos e presente em mais de cem países, o ThetaHealing chegou ao Brasil em 2010 e a Petrópolis, no início de 2017, com a abertura do Espaço Árvore da Vida, no centro de Araras. Ali, as terapeutas Marcelle Sampaio e Micheline Torres realizam atendimentos, ministram palestras e formam outros terapeutas.
     A terapia visa a alterações nos padrões mentais responsáveis por criar medos, angústias, traumas ou outros bloqueios emocionais a até doenças do corpo físico. A técnica de leitura do campo energético aplicada pelos terapeutas permite o alcance simultâneo do consciente e do subconsciente do paciente para gerar alterações nesses padrões e, a partir daí, criar uma nova realidade interior.
     “Nossas crenças constroem nossa realidade, desde uma doença no corpo físico até questões de escassez, relacionamentos etc. Mudando nossas crenças, mudamos a realidade que estamos criando. Através do acesso consciente a frequência de onda cerebral Theta, podemos captar do subconsciente crenças e padrões nocivos que estão criando limitações nas nossas vidas. Com a técnica liberamos essas crenças, substituindo-as por uma nova consciência potencializadora”, explica Marcelle.
     Na prática, as sessões acontecem com o terapeuta e o paciente sentados frente a frente, de mãos dadas e olhos fechados, em um ambiente que induz ao relaxamento. A vibração de ambos na frequência Theta permite o acesso a informações, como lembranças ou respostas guardadas no subconsciente, que não viriam à tona em outra frequência, captadas pelo terapeuta. A partir das respostas fornecidas pelo subconsciente, ou o “eu superior”, o tratamento consiste na substituição das crenças que geram limitações por afirmações positivas. O tempo de tratamento varia, mas há registros de casos em que a cura se dá em uma única sessão.
     “O ThetaHealing não é uma religião, filosofia ou algo parecido; as crenças a que se refere são de qualquer ordem. Se, como no dito popular, a pessoa crê que o dinheiro não traz felicidade, por exemplo, vai viver suas questões financeiras com uma certa dificuldade, uma vez que vai desejar a felicidade em contraponto ao dinheiro. Trabalhamos para identificar o que aquele indivíduo criou como uma crença e que está manifestando aquela realidade que ele quer mudar”, elucida Micheline.
     Ela e Marcelle costumam viajar por todo o Brasil – a convite do Instituto ThetaHealing Brasil, onde tiveram sua formação como terapeutas e instrutoras da técnica – para ministrar cursos e palestras como os que oferecem no Espaço Árvore da Vida. Ali, além dos atendimentos individuais, realizam também sessões gratuitas de meditação em grupo (sempre às quartas-feiras) e outros eventos dedicados ao autoconhecimento e à expansão da consciência.
     O ThetaHealing foi criado pela norte-americana Vianna Stibal, que venceu um câncer ao desenvolver e utilizar em si mesma a técnica que leva o cérebro a um instantâneo e profundo estado Theta. Hoje, por onde passa difunde o programa que criou para, através dessa conexão, facilitar as mudanças físicas, mentais e emocionais do maior número possível de indivíduos. Ela acredita que a técnica precisa ser ensinada e realiza cursos para pessoas de todas as raças, crenças e religiões, com uma equipe que inclui professores que trabalham em 30 países. Atualmente o número de profissionais treinados em todo o mundo chega a aproximadamente 300 mil.


Espaço Árvore da Vida:
Estrada Bernardo Coutinho, 1546 – Araras
(24) 99882.5609
vidatheta@gmail.com



Voltar Início


Estações de Itaipava © Todos os direitos reservados